HOME
Natal e fraternidade
 


Esta época, por força especial advin-da das vibrações de fraternidade pela comemoração natalina, enseja que os corações se aproximem e se toquem.
É tempo de sorrir, de se doar, abraçar, agradecer, deixando fruir a melhor essência que o ser possui, interagindo com todos a sua volta.
Sentir, ainda, a pujança da expressão “é melhor dar do que receber”, aproximando e unindo os corações.
A força invisível dessa dinâmica, sutilmente liberta do egoísmo, do sentimento de posse, sedimentando a esperança que o amanhã será melhor. Vivenciar a magia da psicosfera natalina, sua musicalidade e seu colorido, é saborear ímpar alegria interior.
A mensagem do perdão e da fraternidade adotadas em pensamento e ação neste mes abençoado de esperanças e anseios, favorecerão bom ânimo ao encerramento do calendário, exprimindo gostosa sensação de vitória, ao mesmo tempo, fé confiante para um feliz ano novo, retemperado com a conduta do discípulo do Mestre.
                                        Feliz Natal!
 
PAZ E FRATERNIDADE
PAULO VICTOR ROUVIER